Firmino sai do banco e garante revanche contra o Flamengo na bacia das almas

Firmino saiu do banco aos 40 do segundo tempo e marcou aos 45

‘Em dezembro de 81/Botou os ingleses na roda/3 a 0 no Liverpool/Ficou marcado na história/E no Rio não tem outro igual/Só o Flamengo é campeão mundial/E agora seu povo/Pede o mundo de novo…’ – 38 anos depois, brasileiros e ingleses voltarão a disputar o título mundial. A decisão será neste sábado, às 14h30, em Doha.

Enquanto o Urubu voou para a decisão com uma vitória de 3 a 1 diante do Al Hilal, o Liverpool sofreu barbaridades para eliminar o mexicano Monterrey por 2 a 1. O atacante brasileiro Firmino saiu do banco no fim da partida e marcou o gol da vitória aos 45 minutos, garantindo a revanche contra o Rubro-negro.

Keita abriu o placar aos 11 da etapa inicial. Salah deixou o companheiro na cara gol. Ele esperou a saída de Barovero e tocou para a rede. A torcida inglesa ainda comemorava na arquibancada quando Funes Mori aproveitou um rebote de Alisson e empatou.

O ‘professor’ alemão Jürgen Klopp não contou com Lovren, Matip, Wijnaldum e Van Dijk (sentiu-se mal e nem deixou o hotel). O treinador teve de improvisar Henderson na defesa, ao lado de Joe Gomez. Também deixou vários titulares no banco. Alexander-Arnold, Mané e Firmino só pintaram no segundo tempo.

Com uma zaga organizada às pressas, o Liverpool permitiu ao Monterrey criar boas oportunidades. Só não se complicou porque o brasileiro Alisson fez grandes defesas. Trabalhou muito mais que Barovero.

Os jogadores do Flamengo assistiram o jogo no estádio Khalifa (42 mil espectadores, o dobro da partida do Urubu com o Al Hilal). Certamente anotaram que com velocidade e trocas de posição no ataque poderão complicar a vida do Liverpool. Mas também terão de marcar forte no meio de campo e vigiar muito bem o trio Salah, Firmino e Mané. Nenhum deles será poupado. E Van Dijk deve retornar à zaga.

O Liverpool tentará quebrar um tabu. Levou bala nas três finais que disputou: Flamengo em 1981 (3 a 0), Independiente em 1984 (1 a 0) e soberano São Paulo em 2005 (1 a 0). Em 1977, deixou a vaga para o Borussia Mönchengladbach, vice-campeão europeu à época.

XXXXXXXXXXXXXXX

Pitaco do Chuky. E o Doria, hein? O Trumpinho da Pauliceia mandou fechar o complexo do Pacaembu (piscina, quadras de tênis e ginásio) para promover uma ‘pelada’ entre amigos.

Imagem

Tchau, ‘Arbolenda’! O zagueiro Robert Arboleda dificilmente permanecerá no São Paulo. De férias no Equador, ele apareceu nas redes sociais com uma camisa do Palmeiras (foto). O jogador estava abraçado com o compatriota Billy Arce, dono da página no Instagram. Arce pertence ao inglês Brighton e foi emprestado ao Barcelona de Guayaquil. A imagem mostra os atletas em ‘Barrio Boca Del Lobo’, em Esmeraldas. Os anjinhos independentes organizados pelo diabo detonaram o jogador: “Arboleda mau caráter, não respeitou a grandeza do São Paulo. Trairagem. Não pode ficar impune.”

Zé Corneta. Fala que eu te escuto: 72% reprovam Crivella como prefeito do Rio.

Tio Patinhas. A milionária Conmebol decidiu abrir um pouco mais a burra e aumentou a premiação da próxima Libertadores. O rei da América receberá US$ 15 milhões (R$ 60,8 milhões), mais 25% da renda da final em jogo único. O vice embolsará US$ 6 milhões (R$ 24,3 mi) e outros 25% da arrecadação. Noves fora: com o dindim da fase de grupos, quartas e semifinais, o campeão engordará o caixa em US$ 22,5 milhões (R$ 91,3 mi). O bolo das quartas pulou de US$ 1,25 milhão (R$ 4,8 mi) para US$ 1,5 milhão (R$ 6 mi), e das semis, de US$ 1,75 milhão (R$ R$ 7,1 mi) para US$ 2 milhões (R$ 8,1 mi). Neste ano, o Flamengo papou US$ 12 milhões (R$ 48,6 mi).

Sugismundo Freud. A vida é um jogo de futebol… só não tem intervalo.

Tungada. O Urubu deixou a fila do gargarejo, depois de uma década, com uma série de recordes no Brasileirão, de maior número de pontos (90) a ataque arrasador (86 gols). A máquina também cravou a contribuição mais suculenta para o time de engravatados da gloriosa federação do Rio. O Flamengo engordou o saco do Papai Noel da Ferj em R$ 2.673.787,63, graças ao ‘bicho’ de 5% da receita bruta de cada confronto, de acordo com o site ‘Sr.Goool’. Insaciável, o milionário esquadrão da Ferj ainda tomou R$ 489.553 do Fluminense, que registrou rombo de R$ 1,7 milhão – pagou várias vezes para jogar. E o Botafogo colaborou com R$ 399.184,53. A exemplo do coirmão das Laranjeiras, fechou no cheque especial (-R$ 1.421.040).

Tungada 2. Dono da segunda maior torcida do país, o Corinthians ajudou a pobre Federação Paulista de Futebol com R$ 1.577.746,37. Já o Palmeiras lustrou as chuteiras da FPF com R$ 1.475.511,71, enquanto o soberano Tricolor despejou R$ 1.199.890. Noves fora: mais de R$ 3 milhões doados pelo Trio de Ferro. Os 20 clubes do Brasileirão perderam a bagatela de R$ 14.094.030,19 ao longo de 38 rodadas. As impolutas federações agradecem, penhoradamente.

Papo na padoca. Palmeiras muda da água para o vinagre com ‘professor’ do 12º colocado do Brasileirão e gerentão do 15º. Avanti Galiotte!

Rainha do apito. Sempre ligada aos poderosos, a ex-bandeirinha Ana Paula Oliveira é a nova chefe dos assopradores de latinha de São Paulo. Pela primeira vez, uma mulher vai comandar o departamento. Ana Paula trabalhou como auxiliar entre 1998 e 2007. Mais errou do que acertou. Provocou suspiros ao posar nua para a Playboy há 12 anos. Ela ocupará o cargo de Dionísio Roberto Domingos, que saiu da federação. O ex-diretor esteve envolvido na polêmica do Paulistinha do ano passado – o Palmeiras reclamou de interferência externa na anulação de um pênalti contra o Corinthians.

Caiu na rede. GreNal, Palmeiras x Corinthians: só o Flamengo nunca pode fazer um clássico estadual na Libertadores.

‘El Clasico’. O último embate entre Barcelona e Real Madrid da década terminou sem gols. Desde 2002, não acontecia um ‘oxo’. O duelo aconteceu no Camp Nou, em jogo adiado da 10ª rodada do Campeonato Espanhol. Casemiro (foto) e o goleiro Ter Stegen foram os destaques do jogo. Barça e Real acumulam 36 pontos. O time catalão lidera por ter melhor saldo de gols, 23 a 21.

Gilete press. De Andrés ‘Desmanchez’, no sorteio da Libertadores: “Para nós, brasileiros, é um absurdo. É melhor ficar fora do que disputar a pré-Libertadores. É uma cobrança enorme. Até hoje falam do Tolima. É um risco. Não tem muito sentido. Ou vai direto para o grupo ou fica fora.”

Tititi d’Aline. A Copa do Catar, em 2022, tem tudo, e mais um pouco, para ser um sucesso inesquecível. O ludopédio é adorado pelos moradores de Doha. Tanto que 11 de cada 10 habitantes preferem as corridas de camelos e cavalos à bola. As provas acontecem às 5 horas (horário local) devido ao calor.

Você sabia que… Liverpool e Boca Juniors não disputaram a final do Mundial de 1978 por causa do calendário?

Bola de ouro. Bruno Henrique. O atacante está arrebentando no Flamengo. Nos últimos nove jogos, marcou 10 gols e deu duas assistências. Comandou a virada sobre o Al Hilal nas semifinais do Mundial da mamãe Fifa.

Bola de latão. Galo. Um tremendo sucesso nas arquibancadas: dos 19 jogos como mandante do Brasileirão, pagou para jogar em nove. Cheque especial: R$ 216.995,36. Azar do meio-campista Elias: deve ir à Justiça para receber uma dívida de R$ 2 milhões – dois meses de salários atrasados e quatro de direitos de imagem, 13º, um terço das férias e prêmios. O contrato do ex-corintiano termina em janeiro.

Bola de lixo. Jean. A mulher do goleiro são-paulino, Milena Bemfica, acusou o jogador de agressão. O casal passa férias em Orlando, com as duas filhas. Em vídeo, Milena mostrou o rosto deformado por pancadas e pediu justiça. Em um post, Jean escreveu: ‘Parabéns. Terminou com a minha carreira. E suas filhas vão passar fome.’ Após a denúncia da mulher, Jean foi preso. O caso foi registrado na Orange County Sheriff Office como violência doméstica. O soberano Tricolor soltou comunicado informando que aguarda a apuração dos fatos ‘para definir as medidas cabíveis’. O goleiro tem contrato até o fim de 2022.

Bola sete. “Claro que a final será o jogo mais importante da minha carreira. É a cereja do bolo da temporada que o Flamengo fez” (de Jesus, 65 anos, sobre a decisão do Mundial – que venha o Liverpool!).

Dúvida pertinente. Flamengo entra como zebra contra o Liverpool?

O que você achou? jr.malia@bol.com.br

Um comentário sobre “Firmino sai do banco e garante revanche contra o Flamengo na bacia das almas”

  1. Hoje é um dia para marcar no calendário! Eu concordo com o André Sanchez! Embora não exatamente pela mesma razão.

    Há alguns anos a Conmebol inchou a Libertadores a pedido da Fox, que detém grande posição de mercado no México. Os mexicanos entraram sem grandes entusiasmos (o acesso deles ao Mundial sempre foi por outra via – se é que o Mundial é de grande interesse para eles…) e, passado esse médio entusiasmo, cairam fora.

    Aí a Conmebol resolveu continuar com a estrutura inchada incluindo times de nível Ibis e Bambala na competição. Deveria ter voltado ao tamanho anterior, mas optou por mantê-lo, às custas da qualidade dos jogos, que já não era lá essas coisas.

    Decisão voltada aos interesses da TV, com oito times brasileiros na disputa, mesmo aqueles que mostraram um futebolzinho super mequetrefe durante o ano.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s