Palmeiras fecha fase de grupos da Libertadores como rei da cocada; Flamengo e Grêmio chegam lá

Scarpa entrou no segundo tempo, marcou o gol e saiu lesionado

O Palmeiras ganhou muito mais que o jogo contra o San Lorenzo (1 a 0) na mansão Allianz Parque, que recebeu 29.204 torcedores (R$ 1.697.516,65). Beneficiado pela derrota da Raposa diante do Emelec (2 a 1), no Mineirão, o Palestra fechou a fase de grupos com a melhor campanha entre os 32 participantes.

A equipe terá a vantagem de decidir os mata-matas em casa até a final, se chegar lá. A decisão será em jogo único, dia 23 de novembro, em Santiago. Os jogos da próxima fase serão definidos em sorteio na segunda.

Com o triunfo sobre os argentinos, os periquitos em revista acumularam 15 pontos na liderança do grupo F, contra 10 do San Lorenzo, que também disputará as oitavas de final. O time superou a Raposa (15 pontos) no saldo de gols, 12 a 9. O Palmeiras cravou o ataque mais positivo, com 13 gols, e a defesa menos vazada, com um tento.

O único gol palmeirense foi marcado por Gustavo Scarpa, aos 24 minutos do segundo tempo. O meia, que substituiu Raphael Veiga na etapa final, chutou de fora da área e o goleiro Monetti aceitou. Pouco depois, Scarpa sentiu uma lesão e saiu. Entrou Lucas Lima.

Depois de oito jogos, Borja voltou ao comando de ataque – Deyverson foi poupado pelo ‘sargento’ Felipão. Mais uma vez, Borja decepcionou. Acabou dando o lugar para Arthur Cabral. O colombiano completou 100 jogos pelo Palmeiras.

Em Montevidéu, o Flamengo perdeu inúmeras chances de gol, passou sufoco nos 30 minutos finais, depois da expulsão de Pará, mas garantiu o ‘oxo’ contra o Peñarol e se classificou às oitavas. E em primeiro lugar no grupo D, com 10 pontos, mesmo número que LDU e Peñarol, porém com saldo de gol superior: 6 a 4. A segunda vaga ficou com a LDU, que goleou o lanterna San Jose por 4 a 0.

O Rubro-negro desperdiçou oportunidades incríveis com Gabigol, Bruno Henrique e Vitinho. Criou nada menos que nove chances, contra duas dos uruguaios. Apenas no primeiro tempo, Gabigol falhou três vezes diante do goleiro Dawson. Giovanni González também foi expulso no último minuto.

Já o Grêmio fez a lição de casa. Diante de 34.187 torcedores (R$ 1.478.779), o imortal bateu a Universidad Católica por 2 a 0, na Arena, e carimbou pela quarta vez consecutiva a passagem para as oitavas de final.

Os gaúchos terminaram em segundo lugar no grupo H com 10 pontos, dois atrás do Libertad. Desde 1990, o Grêmio não é eliminado na fase de grupos da Libertadores. Avançou 15 vezes em 29 anos. Não disputou em 2008/10/12/15.

Alisson, aos 22 da etapa inicial, colocou o Grêmio na frente, após belo lançamento de Michel. Aos 30 do segundo tempo, Leonardo roubou a bola de Cornejo, cruzou e Thaciano empurrou para o gol. Fatura resolvida.

No Mineirão (18.083 pagantes/R$ 393.347), já classificada no grupo B, a Raposa apanhou do Emelec por 2 a 1. O pão de queijo precisava pelo menos de um empate para assegurar o primeiro lugar geral no torneio.

Com o resultado, a Raposa perdeu a invencibilidade de cinco jogos, enquanto os equatorianos garantiram a vaga em segundo lugar. Os mineiros encerraram a fase de grupos com 15 pontos, seis à frente do Emelec.

Joao Rojas abriu o placar aos 40 do primeiro tempo. Sassá empatou aos 21 do segundo. Na bacia das almas, Angulo, de pênalti, matou a Raposa.

XXXXXXXXXXXX

Pitaco do Chucky. A união do rebanho obriga o leão a dormir com fome.

Lucas, o herói. A Champions é mesmo fantástica. O Tottenham perdia por 2 a 0 do Ajax até os 10 minutos do segundo tempo, virou o jogo e venceu por 3 a 2, com três gols do brasileiro Lucas Moura. Com o surpreendente resultado em Amsterdã, o Tottenham decidirá o caneco contra o Liverpool. A final inglesa está marcada para 1º de junho, em Madri. O Ajax, sem David Neres (lesionado), abriu 2 a 0 no primeiro tempo. De Ligt e Ziyech marcaram para os holandeses no primeiro tempo. O Ajax precisava apenas de um empate, já que havia derrotado o Tottenham por 1 a 0, em Londres. “É impossível explicar o que estou sentindo. Estou muito feliz e orgulhoso dos meus companheiros. Nós sempre acreditamos que era possível. Somos uma família. Foi um presente de Deus”, festejou Lucas Moura.

Lucas Moura, uma jornada inesquecivel na Champions

Lucas, o herói 2. O duelo marcou a redenção do ex-jogador do soberano Tricolor. Lucas Moura aterrissou no Tottenham praticamente desacreditado. Contratado pelo PSG em 2012, o atacante não explodiu na equipe francesa como se esperava. E virou reserva de luxo após a contratação de Neymar e Mbappé. Ano passado, foi para o Tottenham. Recuperou o prestígio na equipe inglesa. Participou de 11 das 12 partidas do time na Champions. Marcou cinco gols, três diante do Ajax. Levou a bola para casa como troféu. “Lucas liderou o time na assombrosa batalha contra o Ajax”, publicou o The Guardian. “Lucas merece uma estátua”, afirmou o meia dinamarquês Christian Eriksen após o confronto. Nas casas de apostas, o Tottenham é azarão na final, com apenas 29% de chances, contra 71% do Liverpool.

Zé Corneta. Garoto-propaganda do Circo Brasileiro de Futebol, a nova missão do ‘professor’ Tite: ‘Brasileirão é o terceiro maior do mundo em qualidade.’ Isto posto, cabe a pergunta: por que, então, convoca poucos jogadores daqui?

‘Pofexô’, o retorno. Depois de um bom tempo na fila do desemprego, mais precisamente desde outubro de 2017, quando foi defenestrado pelo Sport, Vanderlei Luxemburgo está de volta ao batente. Ele assinou contrato com o Vasco até dezembro, mas só começará a trabalhar na próxima segunda, após a partida contra o Peixe. Maurício Copertino será o auxiliar, e Antônio Mello, o preparador físico. O ‘pofexô’ retoma a carreira com um desafio: evitar mais um rebaixamento do Vasco, lanterna do Brasileirão com apenas um ponto em nove possíveis. Na apresentação, Luxemburgo rasgou elogios a Sampaoli e Fernando Diniz, mas cutucou: não estão apresentando nada de novo. E prometeu se aposentar após o Brasileirão.

‘Pofexô’, o retorno 2. Cinco vezes campeão brasileiro (duas com o Palmeiras e uma com Corinthians, Raposa e Peixe), vencedor da Copa América de 1999 com a amarelinha desbotada e ganhador de alguns estaduais, além de ter trabalhado no Real Madrid, Luxemburgo colecionou uma série de fracassos desde 2010. Tomou cartão vermelho no Galo, Flamengo (duas vezes), Grêmio, Fluminense, Raposa, Tianjin Quanjian (segunda divisão da China) e Sport (demitido no vestiário). Dos 12 maiores times do país, ele só não trabalhou como jogador ou técnico no soberano Tricolor.

Sugismundo Freud. Morre lentamente quem se apega ao hábito e sempre repete o mesmo trajeto.

João-sem-braço. O atacante Jordie Van der Lann tentou aplicar o golpe e quebrou a cara. Comunicou ao Telstar, da segunda divisão holandesa, que daria o cano no treino porque estava doente, mas foi flagrado pela TV assistindo Tottenham x Ajax, pela Champions, em Londres. Na volta, foi convidado a comparecer ao RH.

Gilete press. De André Rizek, no SporTV, sobre as críticas de Levir Culpi ao ‘professor’ santista Jorge Sampaoli: “Qual o problema da gente ter um treinador estrangeiro, não importa aonde ele nasceu, e mostrar coisas diferentes? Não estou nem dizendo que são melhores, mas que nos fazem questionar sobre métodos de trabalho, como os nossos times jogam. Para mim, a experiência do Sampaoli é muito positiva e fiquei decepcionado com o tom jocoso com que o Levir tratou isso.” No alvo.

Caiu na rede. Corintiano Fabio Carille, o novo Rolando Lero da bola: fala muito e não diz nada.

Tititi d’Aline. É o bochicho da hora: a jornalista Priscilla Alves Coelho está processando Ronaldinho Gaúcho. Ela pede um terço da fortuna do ET da bola, estimada em R$ 250 milhões. Priscilla viveu com ele entre 2012 e 2018. A relação envolveu uma amiga, Beatriz Souza, a pedido do ex-atleta. Eles moravam num condomínio na Barra. Motivo da porcentagem: relação a três, cada um com seu quinhão.

Você sabia que… o atacante Dudu completou 250 jogos (58 gols) com a camisa do Palmeiras, igualando-se a Del Nero como o 48º atleta com mais partidas pelo clube?

Bola de ouro. Lucas Moura. O ex-atacante do soberano São Paulo arrebentou o Ajax com três gols e garantiu o Tottenham na final da Champions, contra o Liverpool. Pela primeira vez o Tottenham disputará a decisão do principal torneio interclubes do planeta. A batalha acontecerá em 1º de junho, na cidade de Madri.

Bola de latão. Chelsea. A mamãe Fifa deu um bico na apelação do clube inglês contra a suspensão de contratar jogadores nas próximas janelas de transferências, no meio deste ano e começo de 2020. O Chelsea havia sido punido em fevereiro por ter contratado irregularmente 29 menores de idade estrangeiros. Também foi confirmada a multa de R$ 2,3 milhões.

Bola de lixo. Gareth Bale. O atacante galês deve comandar a barca do Real Madrid. Contratado por R$ 315 milhões em 2013, a maior compra da história até aquele momento, Bale caiu em desgraça no clube, após ganhar quatro títulos da Champions. Os números do atacante: 22 lesões até o início deste ano; 229 dos 337 jogos realizados pelo time; R$ 1 bilhão apenas em salários; 102 gols em seis temporadas – R$ 10 mi cada um.

Bola sete. “Quero que as pessoas saibam que eu sou gay e que eu não tenho vergonha disso. E não é porque eu sou que outras pessoas vão querer ser. Isso não tem nada a ver. Já vivi muitos anos pensando no julgamento que os outros fariam sobre mim. Hoje só aceito ser julgado por Deus. Nunca mais vou deixar de viver o que eu sou. Eu sou gay” (do ginasta Diego Hypolito, 32 anos, no Uol – fantasma abatido).
Lucas Lima/UOL

Dúvida pertinente. Luxemburgo chega para salvar ou afundar ainda mais o Vasco?

O que você achou? jr.malia@bol.com.br

Anúncios

Um comentário sobre “Palmeiras fecha fase de grupos da Libertadores como rei da cocada; Flamengo e Grêmio chegam lá”

  1. Re Tite: como disse Eça de Queiroz em A Relíquiia, o que move o mundo é a coragem de afirmar… Se o colunista não teve oportunidade de ler este livro, hoje fora de moda, recomendo o sebo mais próximo. Hilário. E foi uma das causas da excomunhão do autor!

    Re Luxa: jamais cairá com o Vasco. Como sabem os palmeirenses, ao sentir a coisa desandar, pedirá as contas na hora certa. Para ele…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s