Palmeiras deixa a TV de lado, volta a campo, goleia e garante vaga na Libertadores

Gómez e Deyverson comemoram o primeiro gol do Palmeiras

Depois de 15 dias acompanhando futebol só pela TV, o Palmeiras voltou a campo e simplesmente amassou o Melgar em Arequipa, no Peru. O Palestra goleou por 4 a 0 e se classificou para as oitavas de final da Libertadores faltando uma rodada para o término da fase de grupos.

Com o triunfo, os periquitos em revista assumiram a liderança do grupo F com 12 pontos, dois à frente do San Lorenzo. O Melgar está em terceiro, com quatro. Na lanterna, com três, Junior Barranquilla. Gustavo Gómez, Scarpa (dois) e Moisés marcaram os gols.

O Palmeiras tomou um susto logo no início. Christian Ramos cabeceou e Weverton fez boa defesa. Em poucos minutos, o Palestra tomou conta do jogo e passou a bombardear o limitadíssimo Melgar.

De cabeça, após cobrança de escanteio, Gustavo Gómez abriu o placar aos 9 minutos. Aos 21, Scarpa marcou o segundo com um belo chute da entrada da área. Jogo liquidado. No final do primeiro tempo, Felipe Melo cabeceou e Cuesta salvou em cima da linha. O ‘professor’ Jorge Pautasso foi expulso por reclamação.

Na volta do intervalo, o Palmeiras diminuiu o ritmo e foi menos perigoso nos contragolpes. O Melgar cresceu, mas não o suficiente para incomodar os palmeirenses.

Aos 21, os peruanos tomaram o terceiro. Hyoran, que havia entrado no lugar de Zé Rafael, tocou para Gustavo Scarpa bater forte. O ‘sargento’ Felipão colocou Lucas Lima e Moisés. Saíram Dudu e Bruno Henrique, respectivamente.

O quarto gol saiu aos 35 depois de uma troca de passes. Scarpa entregou a Hyoran, que colocou Moisés em ótima situação para nocautear o Melgar. Na sequência, Neyra foi expulso por falta em Lucas Lima. O Palmeiras enfrentará na última jornada o San Lorenzo, em 8 de maio, na mansão Allianz Parque.

XXXXXXXXXXXXX

Pitaco do Chucky. Uma caneta pode mudar o mundo.

Flu no sufoco. Em um exemplar jogo ofensivo no Arruda, com 13 finalizações de cada lado, o Santa Cruz superou o Fluminense por 2 a 0 (mesmo placar obtido pelos cariocas no ‘new Maraca’), levou a decisão para os pênaltis e se deu mal. O Tricolor venceu por 3 a 2 e ficou com a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil. Jô e Pipico assinalaram os gols do Santinha no tempo normal. Charles, Marcos Martins e William Alves erraram os pênaltis. O goleiro Rogério defendeu dois.

Bahêa chega lá. No estádio do Café, o Bahêa perdeu do Londrina por 2 a 1, mas levou a vaga. No primeiro jogo, em Salvador, goleou os paranaenses por 4 a 0, praticamente garantindo a classificação ao mata-mata. Anderson Oliveira e Dagoberto (pênalti) marcaram para o Tubarão. Fernandão descontou ainda no primeiro tempo.

Zé Corneta. Vasco é o único faixa preta que vive apanhando.

Fala sério. Com cinco gols na temporada e tricampeão paulista, o lateral-esquerdo corintiano Danilo Avelar acredita ser uma boa opção para a amarelinha desbotada. Principal arma: ‘perfil europeu’. Explica: aprendeu a respeitar a linha de zaga para depois atacar. Nada de colocar o espetáculo em primeiro lugar. Ponto final: ‘Se [o Tite] analisar o campeonato, se for por merecimento e números… ‘ Nada contra, ao contrário. Todo mundo pode sonhar, mas só até a página três.

Sugismundo Freud. Só pobre de espírito confunde valor com preço.

Galo nocauteado. O time mineiro também vai saborear um ótimo refresco de jiló com o fracasso na fase de grupos da Libertadores. O Galo deixará de embolsar R$ 4 milhões pela classificação ao mata-mata das oitavas. O clube arrecadou em três fases do torneio pouco mais de R$ 15,5 milhões. Detalhe: o Galo está vendendo o almoço para comprar a janta.

Caiu na rede. Mundial de clubes da mamãe Fifa, a Copa Mickey com grife.

Zapping. O SporTV continua dando as cartas na TV paga entre as emissoras dedicadas ao esporte. Em março, cravou 0,33 ponto entre 7 horas e meia-noite. Na classificação geral (TVs abertas e fechadas) ocupou o 10º lugar. O Fox Sports, com 0,17, ficou em 24º, enquanto a ESPN Brasil fechou em 33º, com 0,12. A liderança é da plim plim com 15,6 pontos, à frente de Record (7,55), SBT (6,49), Band (1,49) e RedeTV (0,74).

Gilete press. De Mauro Cezar Pereira, na ESPN: “Após a virada da LDU, Abel disse ao ex-jogador Zinho, que trabalhou na transmissão pelo Fox Sports: ‘Vamos para a guerra no Uruguai contra o Peñarol’. Abel e suas frases de efeito. Que hoje não surtem efeito algum, mesmo cultivando muitas amizades, inclusive na imprensa. E ele é um cara tão legal que acaba poupado. Mas o campo e a bola não têm sido seus amigos.” É vero.

Tititi d’Aline. O atacante Pato e a namorada Rebeca, filha de Silvio Santos, decidiram limpar a alma e recorreram ao batismo na igreja evangélica Hillsong, a mesma que abriga a global Bruna Marquezine e o ex-jogador Kaká. Apaixonado, o jogador do soberano São Paulo já fala em casamento e em ser pai.

Você sabia que… o Circo Brasileiro de Futebol fechou a temporada de 2018 com um lucro de R$ 52 milhões, enquanto nove de cada 10 clubes passam o chapéu atrás de migalhas?

Bola de ouro. Rogério Ceni. O M1to manteve a palavra dada ao Fortaleza e deu um bico na proposta do Galo. Montou a estrutura para o time cearense disputar a elite do Brasileirão e se negou a trocar de casamata apenas por um holerite mais pesado.

Bola de latão. Galo. O tempo passa, o tempo voa, e nada de o clube arrumar um novo ‘professor’. Tentou quatro e nenhum deles quis o pacote: Tiago Nunes, Rogério Ceni, Jorge Sampaoli e Juan Carlos Osorio. Fora de campo, a torcida protesta. Pede CPI, exige títulos, chama time de ‘sem vergonha’ e quer a saída de Victor, Ricardo Oliveira, Leonardo Silva, Patric, Fábio Santos, Cazares e Elias. Uma vassourada!

Bola de lixo. Abel Braga. O ‘paizão’ está no bico da cegonha sem asas no Flamengo. Não consegue dar padrão de jogo à equipe. O clube gastou R$ 100 milhões em reforços e corre risco de cair fora da Libertadores na fase de grupos. Pode sambar até antes do embate com o Peñarol, no Uruguai, se o time fracassar nos três primeiros embates do Brasileirão: Raposa, Saci colorado e soberano Tricolor.

Bola sete. “O torcedor do Corinthians é amigo da esperança até o último minuto. O do Flamengo convive é com a angústia. Um fala ‘ainda dá’, o outro diz ‘vai dar m… ‘. O cheirinho de vitória é muito mais forte em Itaquera do que na Gávea” (do blogueiro Menon, no Uol – fato).

Dúvida pertinente. Palmeiras, Corinthians, Peixe ou soberano São Paulo, quem tem mais garrafa vazia para vender no Brasileirão?

O que você achou? jr.malia@bol.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s