Nenê ‘Biquinho’ perde pênalti e soberano São Paulo continua fora do G4 da Libertadores

O soberano Tricolor decepcionou mais uma vez na corrida contra o Grêmio por uma vaga no G4, a quadra de ases da Libertadores. A equipe ficou no ‘oxo’ com o Sport no Morumbi (15.235 pagantes/R$ 199.006,52), no encerramento da 37ª e penúltima rodada do Brasileirão. Nenê ‘Biquinho’ (foto) perdeu um pênalti no segundo tempo.

Ao final da partida, a torcida vaiou o time. Com o resultado, o São Paulo permanece na quinta posição, com 63 pontos. O time gaúcho tem a mesma pontuação, mas está em quarto por levar vantagem no número de vitórias, 17 a 16.

Na última jornada, o Tricolor visitará a Chapecoense, que luta contra o rebaixamento. O Grêmio receberá um desmotivado Corinthians.

O Tricolor dominou o primeiro tempo. Esbanjou posse de bola (76% a 24%), mas mostrou raros momentos de lucidez para furar o sólido bloqueio defensivo armado pelo time pernambucano.

Quando conseguiu superar a marcação adversária com toques rápidos pelo meio ou jogadas pelas laterais, o Tricolor falhou no arremate, principalmente Nenê ‘Biquinho’. O meia perdeu duas boas chances.

Aos 24, sua senhoria, o assoprador de latinha André Luiz de Freitas Castro, ignorou um pênalti em Diego Souza, puxado dentro da área por Claudio Winck.

O Sport apostou desde o início nos contra-ataques, porém só ameaçou uma vez para valer com Gabriel, após boa jogada de Mateus. Na bacia das almas da etapa início, o São Paulo apertou o cerco aos pernambucanos. Parou nas luvas de Mailson.

O São Paulo voltou mais ousado no segundo tempo. E por muito pouco na abriu o placar com um golaço aos 2 minutos. Everton ajeitou de peito para Liziero, que tocou de calcanhar para Nenê ‘Biquinho’ mandar uma bomba. Mailson fez grande defesa.

Pressionado, o Sport se fechou ainda mais à espera de uma oportunidade para matar o Tricolor. Que passou a explorar mais o setor esquerdo, com Reinaldo e Everton.

Aos 28, depois de uma bobeada de Gabriel, a bola sobrou para Everton, que caiu na grande área após um choque com Cláudio Winck. O assoprador de latinha marcou pênalti. Erradamente. Nenê ‘Biquinho’ cobrou e Mailson defendeu.

Na sequência, o ‘professor’ André Jardine trocou Helinho, que havia errado três cruzamentos seguidos, por Anthony. Depois, substituiu Araruna por Igor Gomes. E Nenê ‘Biquinho’ (vaiado) por Tréllez.

Desordenado, o São Paulo partiu com tudo para o ataque. Aos 46, dois minutos depois de o Sport ficar com 10 (Claudio Winck foi expulso), Everton cruzou e Tréllez, de cabeça, mandou na trave.

O ‘oxo’ continuou até o fim. O Tricolor perdeu a terceira chance de superar o Grêmio e entrar no G4. Saiu de campo vaiado. De quebra, ouviu da galera ‘chega de time amarelão’.

O que você achou? jr.malia@bol.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s