Voo de Pato cai R$ 35 milhões. E Corinthians ainda topa fazer carnê

Depois de bater o pé e rodar a chave do cofre, garantindo que não faria negócio por menos de R$ 100 milhões, o Corinthians decidiu tomar um banho de semancol a fim de não ficar com o mico na mão.

Agora, está disposto a liberar o voo de Pato para um coirmão por R$ 65 milhões. Dependendo do choro da pechincha, admite redução e até um carnê. Da grana arrecadada, 60% ficariam com o clube e 40% com o atacante.

O Tianjin Quangian, da segunda divisão chinesa, comandado pelo ‘pofexô’ Vanderlei Luxemburgo, poderia pagar os R$ 65 milhões, mas Pato não deseja mergulhar numa lagoa tão distante do burburinho das chuteiras. O ‘mestre dos mestres’ sonha dirigir um ataque com Jadson, Luis Fabiano e Pato.

Deputado federal (PT) e primeiro-ministro corintiano, Andrés Sanchez garante que, se a venda não sair, Pato terá que se apresentar ao Corinthians.

O acordo do atleta se encerra em dezembro de 2016. É aí que mora o perigo. Pato poderá assinar um pré-contrato com qualquer equipe a partir de julho e sair gratuitamente em janeiro de 2017.

Antes de limpar o armário, ficaria recebendo, mensalmente, um pequeno reforço para a xepa: R$ 800 mil. Ou seja, sua poupança engordará mais R$ 9,6 milhões.

A janela de transferências na Europa termina em 31 de janeiro. O hexacampeão brasileiro deverá fechar este ano com um glorioso rombo de R$ 50 milhões. Em 2014, o tombo superou os R$ 95 milhões.

Números suficientes para os corintianos pedirem ajuda a São Jorge, rezarem pela venda de Pato.

                                       ############

Pitaco do Chucky. Rio-16 consome R$ 40 bilhões e Disque-Denúncia ameaça desligar o telefone por falta de verba: que país é esse?

Sem-teto. Após o incrível sucesso no Brasilerão/15, quando conseguiram a proeza de ficar fora do top 10, Flamengo e Fluminense colecionarão mais um gol de placa em 2016: não sabem aonde mandarão os jogos do Carioquinha e da Primeira Liga (se sair). O ‘new Maraca’ ficará fechado a partir de março, preparando-se para receber a Rio-16. O Engenhão também se curvará aos Jogos Olímpicos. O Urubu estuda voar em outros estados; o Tricolor pode atuar em Macaé ou Volta Redonda.

Sugismundo Freud. Conmebol, a ressurreição do ‘topa tudo por dinheiro’.

Bem, amiguinhos. Palmeiras cuida da molecada: salário do volante Matheus Sales deve pular de R$ 6 mil para R$ 30 mil. O garoto foi o grande destaque das finais da Copa do Brasil contra o Peixe.

Zé Corneta. Dez cartolas da Conmebol já estão presos ou indiciados por corrupção. Que cambada!

Bem, diabinhos. A Raposa apertou o cinto e conseguiu economizar R$ 2,5 milhões com a saída de Júlio Baptista, Leandro Damião, Ceará, Charles e outros menos votados. A diretoria não pretende mais pagar parte do salário de um jogador emprestado a outro clube.

Caiu na rede (by ‘Olé do Brasil’). Com Jesus e Moisés, Palmeiras fará pré-temporada em Jerusalém.

Gilete press. De Marluci Martins, no ‘Extra’: “Ao postar na internet uma foto com a camisa do Corinthians, o atacante Paulinho fechou duas portas. Além do Flamengo, que já não queria sua permanência, dois clubes interessados no jogador desistiram do negócio: Santos e Palmeiras, que já haviam procurado o Rubro-negro. Paulinho antecipou-se em vincular sua imagem à do Corinthians, por acreditar que o clube paulista seria seu destino em 2016. Porém, o técnico Tite vetou a contratação.” Ficou sem lenço e sem documento.

Dona Fifi. O mala holandês Van Gaal completou sete jogos sem vitória no Manchester United. Nos 2 a 0 do Stoke City, fez a quadra: quarta derrota consecutiva.

Tititi d’Aline. O imperador ostentação Del Nero sofre no bolso as peripécias de uma cartola sem coelho: licenciado do Circo Brasileiro de Futebol, é obrigado a se virar com o irrisório salário da presidência do Comitê Organizador Local (COL) da Copa. O poderoso chefão recebe parcos R$ 100 mil mensais. A mamata só deverá terminar em… 2018. Ô coitado!

Você sabia que… o velocista jamaicano Usain Bolt e a tenista americana Serena Williams foram escolhidos os ‘Atletas do Ano’ pelo jornal francês L’Équipe’?

Bola de ouro. Tite. O melhor ‘professor’ do Brasileirão/15, segundo pesquisa do ‘Uol’. O corintiano recebeu 62,5% dos votos dos jogadores. Goleou Mano Menezes (4,6%) e Dorival Júnior (4,6%).

Bola de latão. Celso Roth. Ganhou a corrida de pior ‘professor’ do ano, com 14,7% das preferências dos atletas, de acordo com a enquete do ‘Uol’. Vanderlei Luxemburgo (8,2%) e Enderson Moreira (8,2%) completaram o pódio.

Bola de lixo. Brasil Olímpico. Metade das federações colecionou prejuízo em 2014. O basquete liderou o ranking das 27 entidades, com um rombo de R$ 6,5 milhões.

Bola sete. “Antigamente, os salários também atrasavam cinco meses, mas havia uma diferença em relação aos dias de hoje: os jogadores tinham amor à camisa” (do ex-centroavante Túlio Maravilha, em mergulho no túnel do tempo – fato).

Dúvida pertinente. Você também recusaria R$ 40 milhões dos chineses, como Elias, para ficar no Corinthians e continuar na amarelinha desbotada?

O que você achou? jr.malia@bol.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s