Encantado com a ‘ilha da fantasia’, Papai Noel troca ‘ho ho ho’ por ‘acorda Brasil’

Nada como um eficiente controle remoto à disposição do querido Papai Noel antes de o trenó partir para a disputadíssima distribuição de tornozeleiras eletrônicas na ‘ilha da fantasia do mestre Tattoo’.

O bom velhinho pôde conhecer a miúde a gloriosa terra do ‘nunca na história deste país… ‘

Primeiro zapping na TV de oito polegadas – Papai Noel é um tremendo mão aberta. Local: Cidade Maravilhosa das balas uivantes.

Depois de informar a constatação de 65 mil casos de dengue no estado neste ano, com 22 mortes, a repórter enaltece as excepcionais condições da saúde pública, oferecidas à população nos últimos dias.

Há falta de insumos e relatos de redução de leitos, fechamento de emergências com tábuas, cancelamento de cirurgias e consultas, só pacientes com risco de morrer são atendidos em vários hospitais.

No Getúlio Vargas, doentes estão precisando dividir até tubo de oxigênio devido à escassez de recursos.

Em outros hospitais, esparadrapo e gaze simplesmente desapareceram. Se um parente do paciente levar, serão muito bem-vindos pelos enfermeiros de plantão – se houver algum.

Depois de ser apresentado ao ‘mundo encantado’ da saúde na UTI, Papai Noel muda de canal. E o segundo zapping coloca no ar: prefeitura do Rio dobra o repasse de recursos às escolas de samba do Grupo Especial.

Cada uma das 12 agremiações receberá R$ 2 milhões para desfilar no sambódromo. Esquindolelê!

Mais animado, o bom velhinho prepara o trenó para zarpar, mas antes arrisca mais um zapping.

Pinta na telinha o prefeito Eduardo Paes inaugurando mais uma gigantesca obra olímpica, o Parque Radical, do complexo na zona oeste. E fica sabendo que a grande festa do esporte, a Rio-16, consumirá a bagatela de R$ 40 bilhões.

Mais: a secretaria estadual de saúde parou de fornecer material para Unidade de Pronto Atendimento a fim de economizar para os Jogos.

Diante de fatos tão inebriantes e entorpecedores, Papai Noel desliga a TV, abdica do tradicional e encantador ‘ho, ho ho’ e solta a plenos pulmões: ‘Acorda Brasil’.

                                       ############

Sugismundo Freud. Conformismo é uma tremenda derrota.

Erva daninha. Fim de temporada, levantamento do café no bule: os estádios Mané Garrincha, em Brasília, Arena Amazônia e Arena Pantanal, construídos para a ‘Copa das Copas’, fecharam o ano com um rombo de R$ 17,6 milhões. Cumpriram com louvor o papel de ‘elefantes brancos’. Sai da rede, mané!

Zé Corneta. Ô Del Nero, pode esperar, a tua hora vai chegar… janeiro vem aí.

Tiro rápido. Dos cinco brasileiros na Libertadores, apenas o imortal Grêmio corre maior risco de cair fora antes do mata-mata. O soberano Tricolor pegou mamão com açúcar no ‘vestibular’ do torneio e depois deve embalar; o Palmeiras pode sofrer um pouco, mas dificilmente deixará de carimbar a classificação; e Galo e Corinthians já podem fazer planos para o tiroteio. Principalmente o hexacampeão brasileiro, que foi um retumbante fracasso em mata-mata neste ano – Paulistinha, Libertadores e Copa do Brasil.

Caiu na rede. Palmeiras no grupo da morte da Libertadores: Mirassol, Goiás e Coxa.

Banquete do Periquito. Torcida palmeirense ganha mais um presente: atacante Erik, ex-Goiás. Ele foi contratado por R$ 12,9 milhões. O clube adquiriu 60% dos direitos econômicos do atleta. O Palmeiras já havia anunciado o goleiro Vagner, ex-Avaí; os zagueiros Roger Carvalho, ex-Botafogo, e Edu Dracena, ex-Corinthians; o volante Rodrigo, ex-Goiás; e o atacante Régis, ex-Sport. Os próximos reforços: Moisés, meia ex-Portuguesa que joga na Croácia, e Jean, volante do Fluminense.

Dona Fifi. Papai Noel analisou as redes sociais e concluiu: dicionário é um ótimo presente.

Bem, amiguinhos. O wide receiver Joe Anderson deu um bico no orgulho e decidiu usar um cartaz para arrumar um emprego na NFL. E se saiu bem após aparecer com o pedido ‘Não sou sem-teto, mas estou com fome de sucesso’. Anderson defenderá o New York Jets. Ele é casado e tem dois filhos.

Pitaco do Chucky. Jingle bells a tutti!

Bem, diabinhos. O Come-Fogo, amistoso com o camaronês Eto’o, foi um fracasso. Menos de quatro mil testemunhas apareceram no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. Renda de R $ 54 mil. Eto’o defendeu as duas equipes. Marcou dois pelo Bota  e um pelo Comercial. Duelo terminou 3 a 3.

Tiititi d’Aline. Em ritmo de espírito natalino: sem dinheiro, desempregado, saboreando pé de frango como peito de peru e tomando tubaína sem gelo.

Você sabia que… o xerife Edu Dracena chega ao Palmeiras depois de passar por Guarani, Olimpiacos (Grécia), Raposa, Fenerbahce (Turquia), Peixe e Corinthians (33 jogos e dois gols)?

Bola de ouro. Fiel. O Corinthians assumiu a liderança do ranking de sócio-torcedor, com 135 mil participantes. O Palmeiras está em segundo, com 127 mil. O Saci colorado despencou da ponta para o terceiro lugar, com 112 mil.

Bola de latão. Rodrigo. O zagueiro vascaíno foi eleito o jogador mais chato do Brasileirão/15 em pesquisa do ‘Uol’ com atletas. Recebeu 15,6% dos votos. Fred ‘Slater’, do Fluminense, ficou em segundo, com 10,1%. O santista Ricardo Oliveira fechou o pódio, com 9,2%.

Bola de lixo. Peixe/Neymar. A novela mais chata do esporte bretão nesta temporada. Pior: entediantes capítulos pintarão em 2016.

Bola sete. “Rogério Ceni participa do ‘Amigo Secreto’, mas chega adiantado e entrega o presente em 2014” – do ‘Olé do Brasil’. Desce o pano.

Dúvida pertinente. Quem precisa mais do Papai Noel: Corinthians, soberano Tricolor, Palmeiras ou Peixe?

O que você achou? jr.malia@bol.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s